Meu nome é Tatiana, sou uma mãe de Anjo!

Meu coração sente uma dor insuportável, meus olhos derramam lágrimas sem fim.

 

Essa mágoa, essa dor, essa saudade, esse desgosto, estarão presentes durante o resto dos meus dias. Estou inconformada, meu coração sofre, acho uma injustiça! A parte mais linda da minha vida se transformou de sonhos, brinquedos e sorrisos, em túmulo, lápide, lembranças dolorosas, choro, velas, dor, saudade…. Dia das mães sem sentido, feriados que poderiam desaparecer. Aniversários vazios, solidão, desespero, depressão…. Vivo à parte, andando envolta em uma névoa de dor e sombras das lembranças de sonhos e de dias felizes que não vivi com minha filha . E então procurando ajuda, você que também é uma mãe de Anjo, me encontrou. Nos tornamos amigas na dor, nossa relação não comporta nenhum julgamento, aqui há somente compreensão e respeito! Outra mãe de Anjo que nos encontra, outras…. O luto é um processo, muitos dizem que devemos passar por ele, deixá-lo para trás depois de um tempo, mas esses que dizem para uma mãe esquecer da dor de perder seu filho, nunca souberam o que é esse desespero sem fim. Mas agora todas as mãe aflitas e sofridas sabem exatamente para onde ir, sabem a quem procurar. Sabendo que entre mães de Anjo é seguro, nosso grupo se torna cada vez maior, nos tornamos cada vez mais fortes, mais amigas. Juntas na dor, para compartilhar a tristeza, encontrando compreensão. Aqui todas tomam conhecimento do fato de que não é loucura amar seu filho para sempre, nem mesmo imaginar como ele estaria, como ele sente nossa tristeza, como ele sofre ao sofrermos e o quanto sorri ao nos ver felizes… Obrigado por, infelizmente, estarem comigo nessa caminhada dolorosa, por compartilharem a dor das minhas lágrimas.Texto original: B. J. Karrer

Trad. e adap. Flávia Rott

Obrigado pelo incentivo na melhora diária, sei que isso é sempre sincero e desejo o mesmo para cada uma! Vocês fazem com que eu me sinta melhor, me dão força para continuar, para querer ajudar mais mães de Anjo e, por que não, maridos, filhos que perderam seus pais…Afinal, entendemos a dor que eles enfrentam. Quando penso que estou sozinha, lembro que encontrei novas amigas, e esse grupo especial faz com que me sinta uma mulher especial. Obrigada amigas, seguiremos juntas pelo mesmo caminho, pavimentado de saudade, dor, tristeza, inconformidade, mas seguiremos juntas. Apoiando umas às outras, nas horas de fraqueza, e compartilhando o amor por nossos Anjinhos.

Meu nome é Tatiana de Oliveira Maffini, sou uma mãe de Anjo!

 

AUTHOR: Tatiana Maffini
No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.